SIGA BRASIL SEM PEDOFILIA ATRAVÉS DO E MAIL

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

PAI É ACUSADO DE ABUSAR SEXUALMENTE DAS FILHAS NO BAILIQUE




Mais um caso de abuso sexual ocorrido no seio familiar, aumenta as estatísticas dessa modalidade de crime no Amapá, tendo como infrator o chefe da família.

João Antonio Correa de 55 anos foi preso por policiais militares na localidade de Itamatatuba no Arquipélago do Bailique, acusado de estuprar as filhas de 13 e 16 anos. 

De acordo com o cabo J. Márcio, do Batalhão Ambiental que conduziu João Antonio Corrêa a Macapá, para ser apresentado a Delegacia de Policia do Interior (D.P.I), as adolescentes afirmaram que vinham sofrendo abuso sexual desde a infância, e quando resolveram não aceitar mais a violência, foram ameaçadas de morte. 

O caso só veio à tona, depois que o namorado da menor de 16 anos, recebeu uma carta escrita por ela, relatando os momentos de sofrimento e revolta ocasionados pela atitude monstruosa do pai, e comunicou o fato a policia. “Tivemos acesso a uma carta escrita por uma das vítimas e entregue pelo seu namorado, denunciando o abuso sexual. Ao pedir informações das menores, constatamos realmente que se tratava de um crime cometido pelo pai contra as filhas, então conduzimos o acusado a Macapá para os procedimentos que o caso requer”, comentou o cabo J.Márcio.

A mãe das menores Maria Rozilda Corrêa, afirmou que não tinha conhecimento do abuso sexual praticado pelo esposo contra as filhas, chegou a desconfiar do excesso de ciúmes que João Antonio Corrêa tinha das adolescentes, mas suas indagações de desconfiança sempre foram negadas pelas vítimas “ Eu achava estranho o pai ter tantos ciúmes delas, mas não desconfiava de nada, porque elas não me contavam o que tava acontecendo, com medo de serem mortas”, desabafou Maria Rozilda Corrêa.
João Antônio Corrêa foi encaminhado ao Instituto de Administração Penitenciária do Estado (IAPEN) onde está à disposição da justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário